CapaNova Espaço das Profissões

A Regional Responde: Assistência Estudantil da Regional Goiás da UFG

Por João Paulo Lopes Machado. Criada em 21/05/20 09:35. Atualizada em 21/05/20 21:20.

Perguntas e respostas mais frequentes sobre a Politica de Assistência Estudantil da Regional Goiás da UFG

Cursar o Ensino Superior é um sonho para muitos, mas também há muitas dúvidas sobre o tipo de assistência que os alunos recebem da Universidade Federal de Goiás. Pensando nisso, a Coordenação de Assuntos da Comunidade Universitária da Regional Goiás elaborou esse tópico de perguntas frequentes para informar e garantir que todos tenham acesso a informações fundamentais ao ingresso na UFG.

 

1-A  Assistência Estudantil na Regional Goiás é um programa universal?

Ainda não. Apenas os atendimentos psicológicos. Para acessar os demais programas, é necessária a verificação da situação de vulnerabilidade social do estudante através do estudo socioeconômico.

 

2-Quando e como posso me inscrever?

Os editais são lançados a cada início de semestre letivo.

 

3- Quais os auxílios que posso solicitar?

No momento, são disponibilizados os seguintes projetos:

Alimentação: valor de R$ 120,00 reais

Moradia: valor de R$ 500,00 reais) e

Permanência: valor de R$ 400,00 reais.

 

4- Como é feito o repasse dos recursos para os estudantes?

Todos os projetos são repassados via espécie diretamente na conta bancária do estudante.

 

5- Qual é o perfil do estudante beneficiário da PAE?

Estudantes em situação de vulnerabilidade social, regularmente matriculados, cuja renda familiar não ultrapasse a um salário-mínimo e meio.

 

6- Quais as exigências para manutenção dos auxílios?

a) Frequência mínima de 75%;

b) aprovação mínima de 50% + 1 das disciplinas cursadas. O usuário que reprovar mais de uma vez na mesma disciplina ou período letivo poderá perder o auxílio, salvo se houver parecer favorável da equipe de Assistência Estudantil da Universidade, conforme a Resolução Consuni/UFG 44 de 2017;

 

7- Serei usuário dos benefícios até a conclusão do meu curso?

Sim, desde que haja disponibilidade orçamentária e você cumpra com os critérios de manutenção nos benefícios. O usuário terá os benefícios automaticamente cancelados após a conclusão de todas as disciplinas do curso.

  

8- Quais as datas previstas de pagamento dos auxílios?

Não há data predefinida para os pagamentos. Geralmente os pagamentos são realizados até o décimo dia útil de cada mês.

 

9 – O estudante pode receber mais de um beneficio?

Sim. Desde que haja recurso suficiente, como também a necessidade social apresentada pelo estudante.

 

10- Existe uma quantidade específica de vagas de bolsas?

Não. O quantitativo de vagas de bolsas são disponibilizadas conforme a disponibilidade de recurso liberada pelo MEC anualmente.

 

11- Existe alguma forma de divisão de vagas de bolsas por curso.

Não. A seleção dos estudantes para participar dos projetos sociais é baseado nos critérios socioeconômicos do núcleo familiar, independente do curso.

 

12- Ocorreram mudanças na minha situação de vida financeira/familiar e/ou acadêmica (troca de curso, desemprego, afastamento por motivos de saúde, entre outros) e isso poderá dificultar a minha permanência no curso. O que devo fazer?

Você deve procurar qualquer profissional da assistência estudantil da Regional e informar sua situação para que as providências cabíveis sejam tomadas. É responsabilidade do usuário informar e manter seus dados atualizados.

 

13- Em relação a outras dúvidas sobre a Política de Assistência Estudantil. Quem e onde procurar?

Você deve procurar algum profissional da Assistência Estudantil. Dúvidas referentes aos editais de acesso e ao formulário no SIGAA e a documentação devem ser esclarecidas diretamente com o setor de assistência estudantil da Regional, pessoalmente ou através de telefone ou e-mail.

 

Mais informações:

Endereço da CCOM: Universidade Federal de Goiás/Regional Goiás – Unidade Acadêmica Especial de Ciências Sociais Aplicadas - Avenida Bom Pastor, S/Nº, Bairro Areião - Cidade de Goiás, e-mail institucional ccomufg@gmail.com, ou por telefone (62) 3371-9323.

 

 

Fonte: João Paulo Lopes

Categorias: destaque